Dione Colares

Dione colares, 43 anos, Professora de Música.

“A Celmar tem sempre ideias novas para funcionalidade dos móveis”

 A Simpatia em nos receber em seu apartamento nos rendeu uma ótima descontração em sua entrevista e fotos ao nos contar sobre sua longa história quase da idade da Celmar Belém.  Cozinha Celmar em uma das nossas 720 cores. Segundo a entrevistada, de início achara a cozinha pequena, pois com o boa distribuição dos móveis e as cores alegres em algumas peças o ambiente ganhou vida e ganhou espaço.

Leia Mais : Mini Hortas em um cantinho da sua cozinha?

Dione morava em um apartamento anterior, indicada e convidada a conhecer a loja por uma amiga e vizinha que também tinha móveis Celmar. “Isso foi há mais de dez ou doze anos, meu primeiro contato com a Celmar para móveis do apartamento anterior e ao me mudar, trouxe alguns para este novo em perfeitas condições” Conta-nos, ao se referir da mudança para o apartamento atual há dois anos e meio, que novamente buscou a Celmar.

Móvel acompanhou a mudança da dona, em perfeito estado depois de quase 15 anos.

Professora de música que tem um escritório para estudos e aulas teve necessidade de por seu piano em um local que não ocupasse muito espaço, a solução veio de uma gaveta no armário de estudos. O que foi um diferencial para suas necessidades e investimento. “Qualidade da matéria prima, sempre cumpriram prazos e a adaptação das minhas necessidades quanto a funcionalidade dos meus móveis.”

“Tentam adaptar a necessidade do cliente, pois cada pessoa tem um estilo de vida de organizar seu espaço, a Celmar tem flexibilidade” 

“Tem empresas que depois da compra fica por ficar, a Celmar se envolve depois da compra. (...) Achei legal os donos da empresa visitarem minha casa depois de tudo pronto, ter essa atenção direta como cliente é um diferencial do comum “

“Solicitei ajustes, uma vez no mesmo dia resolveram meu problema. “ Dione ainda comentou sobre algumas curiosidades interessantes ao longo do vínculo com a nossa empresa. “Gostei muito da revenda de artigos de decoração, e tenho alguns estofados que estavam na loja. ”